História de Machu Picchu

Você está aqui

Home / Inca / História de Machu Picchu

Cidade de Machu Picchu, no Peru. Principal patrimônio da civilização inca
Cidade de Machu Picchu, no Peru. Principal patrimônio da civilização inca

Curtidas

0

Compartilhe:

Por Me. Cláudio Fernandes

Machu Picchu foi, ao lado de Cuzco, um dos dois mais importantes centros urbanos da antiga civilização inca. “Inca” (o filho do Sol) era o nome que se dava ao soberano que reinava sobre o povo quíchua, que se desenvolveu na região da América do Sul onde hoje se encontram países como o Peru, o Equador, a Bolívia e o Chile.

O império inca, cujo último chefe político foi Tupac Amaru, morto em 1572, era conhecido como Tahuantinsuyu, isto é, “o mundo dos quatro cantos”. Essa denominação estava ligada sobretudo ao fato de o império dividir-se em quatro partes principais. Cuzco (que significa “umbigo do mundo”) ficava no centro dessas quatro regiões e era considerado a capital da civilização inca.

Machu Picchu, que significa “velha montanha”, foi construído por volta do século XV pelo líder inca Pachacuti. A montanha na qual sua estrutura foi erguida fica próxima a Cuzco, no atual Peru, portanto, perto do centro do império.

Em Machu Picchu foram construídas pirâmides em degraus, templos, calendários solares e diversas outras construções em pedra e adobe. Além disso, era comum a domesticação de animais, como a alpaca e o lhama, que estavam na base da economia do povo quíchua, já que deles era extraído a lã e também serviam para transporte de carga e alimento.

O lhama era um dos animais mais importantes para a economia inca
O lhama era um dos animais mais importantes para a economia inca

Por muito tempo Machu Picchu foi considerada a “cidade perdida dos incas”, pois até 1911 não se sabia com precisão qual era a sua localização. Sabia-se que sua montanha estava no circuito do chamado “Caminho Inca”, isto é, um caminho de túneis perfurados em rochas que ligava todo o império inca por cerca de 40 mil quilômetros. A descoberta e divulgação de Machu Picchu só ocorreu em 1911, com a expedição do arqueólogo americano Hiram Bingham.